Sábado, 6 de Junho de 2009

Voar é bom para as aves. Acontecimentos trágicos e recentes dão-me alguma razão.
Em pequeno, muito pequeno mesmo, tive a minha primeira 'iniciação aérea': voei de um 1º andar para aterrar nos braços de um funcionário dos telefones (na altura os TLP ainda não existiam por isso terá sido ainda a Anglo Portuguesa de Telecomunicações) que ao ver-me debruçar na varanda para apanhar uma flor no jardim em frente à casa, desceu rapidamente do poste e apanhou-me na chamada 'hora H'. Parece que aterrei junto com ele em cima da flor que queria e, a ele(s) -que não sei quem será- lhe devo a minha existência ainda por cá. De susto, quase que matei outros, claro está.

Portanto, algo terá ficado registado na minha 'caixa negra' que me relembra constantemente que voar, leia-se entrar num avião, não faz nem nunca fez e muito dificilmente alguma vez fará, as minhas delícias, a menos que tenha emborcado um garrafão de Jim Beam.
Evitei sempre que podia -e continuo a evitar- fazer deslocações de avião. Algumas vezes não consegui mesmo safar-me, outras, não me faltaram nunca candidatos de substituição para o embarque e outras ainda, simplesmente recusava sabendo que ia aterrar numa ilha com pista curta, portanto, o melhor seria sempre virem ter comigo -habituados que estão a esse rápido meio de transporte, como quem apanha o 28 para a Graça- e não o contrário.
Voos intercontinentais para mim são um tormento, hoje ainda mais por não poder estar demasiado tempo sentado sem que as costas avisem logo que o tempo limite acabou, o que me deixa uma rota curta do tipo Lx-Londres ou Lx-Paris, ou então, com sucessivas paragens o que nem sempre é fácil.

Um dos piores voôs que tive, em tudo: escalas, ligações atrasadas, duração, turbulência e sei lá que mais, foi a parte final (vindo de Nova Iorque) entre Las Vegas/Los Angeles/San Diego. Se já vinha mal desde a costa leste, pior fiquei quando, já de noite, consigo apanhar o último vôo da NorthWest de Los Angeles (LAX) para San Diego (SAN), debaixo de uma chuva de Outono e onde o aviãozito que me esperava para os teóricos últimos 65 minutos entre as nuvens era uma coisa parecida aqueles que voavam daqui para Bragança, só que este um pouquinho mais antigo e com um cockpit engraçado dividido por uma cortina grossa e pesada.
'Hi guys! Let'zzz rideee!' foi assim que o piloto bem disposto se apresentou ao entrar por último na máquina voadora e acenando para todos. Bom, quase todos, porque uma meia dúzia deviam ser passageiros frequentes, já que tiveram direito a um vigoroso aperto de mão. Como sempre li nos avisos do '28' que 'quem fala com o guarda-freio é moralmente responsável pelos acidentes que possa causar', optei pelo silencioso anonimato internacional e esperar para ver se aquilo descolava. Descolou (acho) mas demorou. A chuva atrasou, os solavancos mais que muitos, pelo que ainda tenho dúvidas se realmente voámos ou simplesmente rolámos. 90 minutos depois, o 'Major Alvega' chegava ao destino. Fui o último a sair; devia estar colado. A hospedeira (a única) percebeu. 'Feel good?' - 'Feel bad' disse-lhe. Ela riu-se e disse-me que uma chávena de café me punha fino. Talvez. Acabei por beber a zurrapa de cafeteira. Depois daquilo só mesmo um cigarrito me compunha a sério. Eram para aí 11 da noite.
Cá fora, os táxis pareciam ter acabado. Também não ia mandar a beata fora antes do tempo. Lá fiquei na zona à espera. Acabou por aparecer um poucos minutos depois.
'Hi. Coming from LAX?' perguntou-me o taxista. 'Actually coming from Lisbon' respondi-lhe enquanto punha a mala na bagageira. 'Gosh! Lisbon, North Dakota?' 'No. Lisbon-Portugal- Europe' disse-lhe. 'Lisboa? Você é português?' perguntou-me agora num português já demasiado ensaboado pelo sotaque americano. 'Sou' disse-lhe enquanto ele me estendia a mão 'Eu sou meio português: a minha mãe é brasileira, o meu pai americano e eu nasci em Faro no the Algarve'. Mário era o nome. A noite estava feita. E não foi o único enraizado portuga que encontrei numa semana.
'Para onde, Sir?' -'Grand Hyatt, mas não tenho pressa se neste táxi se puder fumar'.



publicado por LMB às 23:20 | link do post | favorito

Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



mais sobre mim
Março 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
13

15
16

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


posts recentes

Books Invoicing

a propósito: o universo c...

limpar portugal

lx: debaixo dos pés

é a vida

pangea ultima

PECa

memória: peggy lee

iSilly

'like angels'

arquivos

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Agosto 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Janeiro 2006

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Abril 2005

Setembro 2004

Abril 2004

tags

37/2007

500 miles

7 maravilhas

abril

agostinho da silva

água

alentejo

algarve

allsopp

amazon

american

amero

amigos

anatomia

anos 60

apollo

apollonius

apple

apple. mac

applestore

apr

arrábida

arrabida

art building

arte

artsoft

astarte

atlântida

att

auschwitz

auto

azeitão

bacalhau

bairro alto

banco

bento

berenice abbott

biblia

bic

bijagós

bizplan

boi

casa portuguesa

computing

cosmos

creiro

cromos

cupertino

dakar

design

dias da radio

do fundo do baú

erp

europa

fiat

fred astaire

gene kelly

gourmet

hansaworld

história

ido mas não esquecido

igreja

iphone

ipod

jazz

lisboa

mac

mac os x

macworld

mafra

marketing

marte

memoria

merchandising

microsoft

mirror world

modelo

motor

mundo

natal

new york

nova iorque

outono

pavarotti

porto

portugal

renovaveis

rodrigo leão

rtp

russia

service

setubal

sic

star tracking

tejo

titanic

trizle

universo

verão

vida

todas as tags

gestão para Mac
Image and video hosting by TinyPic
blogs SAPO
subscrever feeds